Sogra de Adriane Galisteu está internada com coronavírus em situação grave



– Advertisement –

Adriane Galisteu – Reprodução: Instagram
A atriz e apresentadora Adriane Galisteu resolveu utilizar as suas redes sociais neste último domingo (22), para passar uma notícia um tanto quanto preocupante aos seus fãs. É que a sua sogra, Suely Iódice, está infectada com o novo coronavírus. Como se não bastasse isso, a loira afirmou que o estado dela é grave.
+ Adriane Galisteu faz homenagem a Ayrton Senna nas redes sociais
– Advertisement –

A sogra de Adriane Galisteu é uma das mais de 1600 pessoas infectadas com o vírus que vem causando preocupação no mundo inteiro. Por conta de sua idade avançada, o que coloca Suely Iódice no grupo de risco, a preocupação aumenta ainda mais. A mãe de Alexandre Iódice, marido da atriz e apresentadora, está internada em um hospital de São Paulo.
Adriane Galisteu, o marido, e os sogros Suely e Valdemar – Reprodução: Instagram
– Advertisement –

+ Adriane Galisteu passa por situação constrangedora em salão de beleza de luxo
Ela deu mais detalhes em suas redes sociais: “Minha sogra está internada. Estamos passando por um processo de muita oração por causa dela. Ela tem a saúde muito delicada. Ela está estável, mas a situação dela é grave, ela é uma senhora de 70 e poucos anos”, disse ela.
A apresentadora contou que Suely contraiu o vírus de seu cunhado, Adriano Iódice, que se contaminou durante o casamento da irmã de Gabriela Pugliesi, onde várias pessoas contraíram o coronavírus. “Muita gente se contaminou neste casamento. Cinco dias que a gente está vivendo uma loucura. Minha sogra tem diabetes. Faz cinco dias que a gente está vivendo uma loucura”, disse ela, sobre.
+ Contratada pela Record, Adriane Galisteu desperta irritação entre apresentadoras
Apesar de tudo, a família inteira está tomando as devidas providências: “De vez em quando dá uma crise de choro na casa. Estamos muito triste. Pior que não poder visitar a Suely é não poder visitar o Valdemar e a minha mãe. Porque a Suely está bem cuidada pelos médicos”, finalizou Adriane Galisteu.